UOL lança série documental: “PCC – Primeiro Cartel da Capital”

Com direção do cineasta João Wainer e conteúdo desenvolvido pela MOV, produtora de vídeos do UOL, série retrata a trajetória de uma das maiores organizações criminosas do Brasil

Imagem: Divulgação

O UOL lança na terça-feira, 19 de novembro, a série documental “PCC – Primeiro Cartel da Capital”. A série de quatro episódios faz parte do selo MOV.doc, destinado a produções documentais do UOL, e traz a história e os bastidores de uma das mais conhecidas facções criminosas do país: o Primeiro Comando da Capital (PCC).  

Com direção do cineasta, jornalista e fotógrafo João Wainer (diretor dos documentários “Junho – o mês que abalou o Brasil” e “Pixo”), a série é o resultado de um minucioso trabalho da equipe de repórteres do UOL Notícias, com apuração de fôlego e inédita, trazendo conteúdos de líderes da facção a relatos de ex-participantes próximos ao grupo.

Entre os conteúdos apurados para o doc estão uma carta de Geleião, fundador do PCC, e depoimentos de ex-detentos que conviveram de perto com os líderes. Houve ainda pesquisa em redes sociais, usadas para comunicação e troca de acusações entre as facções criminosas. Foram mais de 25 entrevistados que desenham a realidade do PCC, iniciado  em cadeias de São Paulo e depois expandido para todo o Brasil.  

* Leia também:  VivaBem estreia grupo de informações sobre o Alzheimer no Facebook com a participação de especialistas

O primeiro episódio, “Origem, mostra como o PCC foi fundado em 31 de agosto de 1993, por oito presidiários, no Anexo da Casa de Custódia de Taubaté, até então a prisão mais segura do Estado de São Paulo. Especialistas em Segurança Pública, ex-detentos e ex-membros da facção relatam como ocorreu a primeira grande ação do grupo, em 2001, quando 29 prisões entraram em rebelião simultaneamente.

O capítulo seguinte aborda a história de Marcola”, mostrando como o assaltante de bancos derrubou os fundadores do PCC, Cesinha e Geleião, tornando-se o principal líder da facção. O episódio também foca na ação de 12 de maio de 2006, quando uma onda de ataques a bases policiais e ônibus paralisou a cidade de São Paulo.

Já em “Cartel”, o terceiro episódio, a produção trata do ponto de virada em que o PCC se transforma em grande negócio de tráfico de drogas, dominando as rotas de transporte de cocaína para a Europa e o norte da África.

* Leia também:  Veuve Clicquot celebra a 12ª edição do Polo Classic de Nova York

A série finaliza com o episódio Guerra”, que mostra a explosão dos combates entre o PCC e outras facções criminosas do País, na luta pelo monopólio das rotas do tráfico na região Norte do Brasil.

Durante seis meses, a equipe fez rigorosa investigação, com gravações em São Paulo, Santos, Presidente Prudente, Brasília, Rio de Janeiro, Rio Branco e Nápoles (Itália). O resultado é uma grande série documental que busca entender como um grupo de oito detentos se transformou na facção que tem hoje mais de 33 mil afiliados e tenta conquistar o monopólio do tráfico de drogas no país.

* Leia também:  Criolo traz novo show para o Recife

PCC – Primeiro Cartel da Capital tem direção de João Wainer; reportagem de Aiuri Rebello, Eduardo Militão, Flávio Costa e Luís Adorno; e apresentação de Débora Lopes. A série conta também com a participação do médico Drauzio Varella; dos jornalistas Josmar Jozino, Bruno Paes Manso, Allan de Abreu, Marcelo Godoy e Cecília Olliveira; do procurador de Justiça Marcio Sergio Christino; do promotor do Gaeco Lincoln Gakiya; da desembargadora Ivana David; do delegado da Polícia Federal Elvis Secco; e de Wálter Maierovitch, especialista em Segurança Pública.

Esse projeto faz parte da MOV, plataforma do UOL que traz programas originais e coproduções, histórias reais brasileiras, além de conteúdo para marcas, entrevistas especiais e bastidores.


Link curto desta publicação: https://sland.info/2Ortk1M
Tags
Mostrar mais

Você também pode gostar

Fechar

8 BALL POOL APK for android

Bloqueador de Anúncios Detectado

Por favor, desative o seu Adblock para um melhor funcionamento do site.
Abrir Chat
1
Precisa de ajuda?
Olá, tudo bem?
Como podemos ajudar?
Powered by